P

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

País

Unidade territorial ocupada por uma população diferenciada das demais por constituir em uma realidade geográfica e econômica própria.

País desenvolvido

São geralmente aqueles que possuem elevada renda per capita, alto índice de qualidade de vida, baixa criminalidade, bons índices educacionais e elevado desenvolvimento tecnológico e industrial.

Padrão de drenagem

Arranjo espacial dos canais fluviais. Os principais padrões de drenagem são: anelar ou anular, dendrítica, desarranjada ou irregular, paralela, radial, retangular e treliça.

Paisagem

Espaço geográfico cuja individualidade ocorre na presença dos seus elementos mais característicos, como desertos, planícies, montanhas, florestas, oceanos, mares, etc.

Paralelo

São círculos da esfera cujo plano é perpendicular ao eixo dos pólos. O equador é o paralelo que divide a Terra em dois hemisférios. O 0° corresponde ao equador, o 90° ao polo norte e o – 90° ao polo sul.

Pedologia

Ciência responsável por explicar e estudar os processos envolvidos na formação dos solos.

Pedogênese

É a denominação que se dá ao processo de formação dos solos, produzidos a partir da degradação e decomposição das rochas por meio de fatores químicos, físicos e biológicos.

Permafrost

É uma camada existente dentro do solo, onde as temperaturas estão sempre abaixo de OºC. O permafrost é definido puramente como uma condição, onde há umidade, sob a forma de água e/ou gelo pode ou não estar presente.

Permeabilidade 

É a capacidade que um solo tem de deixar passar ar e água em seu perfil. A permeabilidade está diretamente relacionada com o tamanho, volume e distribuição dos poros nos diferentes horizontes de um solo. Solos mais arenosos são mais permeáveis, enquanto que solos argilosos são menos permeáveis. A permeabilidade é geralmente maior nas primeiras camadas de um solo. 

Petróleo

É um hidrocarboneto fóssil de origem orgânica encontrado em grandes profundidades. Seus subprodutos apresentam-se em todos os estados de agregação: líquido (gasolina e outros combustíveis), sólido (asfalto, plásticos, entre outros), e gasoso (gás).

Planície

Grande porção de terra relativamente plana, de origem sedimentar, geralmente de baixa altitude, onde processos de acumulação superam os de destruição.

Planície de inundação

Superfície que frequentemente é inundada por causa das cheias dos rios. A planície de inundação também pode ser chamada de: terraço, leito maior ou várzea.

Planímetro

Aparelho utilizado por geógrafos e cartógrafos para a medição de áreas no mapa.

Planta

Representação gráfica que se restringe a uma área muito limitada e onde a escala é grande Consequentemente o número de detalhes neste tipo de representação é bem maior.

Planta Perene

São espécies cujo ciclo de vida é considerado longo, onde podem viver por mais de dois ciclos sazonais. São exemplos de plantas perenes o Sobreiro e azinheira.

Planta Caducifólia

Estas plantas perdem as folhas ao fim do outono e voltam a te-las novamente na primavera. Esta ação ocorre por que no inverno estas plantas diminuem sua atividade metabólica. São exemplos de plantas caducifólia os carvalhos e as faias.

Plantations

Grandes áreas agrícolas consideradas grandes latifúndios onde se cultiva uma espécie vegetal única (monocultura), destinada à exportação. A plantation também é caracterizada pela produção de bens tropicais e pelos baixos salários pagos aos trabalhadores, principalmente entre os séculos XVI e XIX.

Pleistoceno

Período que marca o início do quaternário. É neste período que apareceu a maioria das espécies existentes na atualidade. O pleistoceno ainda pode ser chamado de quaternário antigo ou diluviano.

Polígono

Figura gráfica que representa uma área em um mapa. A representação ocorre por meio da união dos arcos que compõem o contorno do elemento.

Ponto de controle

Ponto utilizado no ajuste de mapas, para controle horizontal ou vertical de levantamentos realizados em campo.

População Absoluta

É o número total de habitantes ou de elementos de uma unidade. Quando determinado lugar possui um grande número de habitantes, a região é caracterizada como populosa. Quando possui poucos habitantes dizemos que é pouco populosa.

População Relativa

É a distribuição da população de um dado recorte espacial pela sua área. Quando um região possui elevada densidade demográfica, a área é denominada povoada e, quando possui uma baixa densidade demográfica, dizemos que é pouco povoada.

Populoso

Se refere à população absoluta, ou seja, o número total de habitantes. O Brasil, por exemplo, é um dos países mais populoso do mundo, atrás da China, Índia, Estados Unidos e Indonésia. Isso significa que a população absoluta do Brasil é bastante elevada.

Povoado

Este termo se refere a distribuição das pessoas no território, ou seja, a densidade demográfica (número de habitantes por km2). Entre os países mais povoados do mundo, podemos citar Cingapura, Bangladesh, Taiwan, Coreia do Sul e Holanda.

Precessão

Consiste num movimento da Terra em torno de um eixo perpendicular ao plano da órbita terrestre, num período de aproximadamente 25.800 anos. O movimento de precessão da Terra é causado predominantemente pela ação das forças de atração gravitacional do Sol e da Lua sobre nosso planeta.

Processamento de imagem

O processamento de imagens gráficas por meio de softwares específicos. O objetivo do processamento de imagens por meio de softwares de SIG é a extração de dados como: uso da terra, calculo de área, identificação de objetos etc.

Projeção conforme

Mantém a forma das áreas a serem representadas. Não deformam os ângulos existentes no mapa.

Projeções equidistantes

Apresentam constância entre as distâncias representadas, ou seja, não modificam as distâncias lineares.

Projeções equivalentes

Mantém constantes as dimensões relativas das áreas representadas.

Projeções azimutais

São destinadas para finalidades bem especificas quando nem as projeções conformes ou equivalentes satisfazem.

Projeções afiláticas

Não conservam nenhuma das propriedades das projeções anteriores. Isto é, não conservam áreas, distâncias, ângulos ou azimutes.

Referências consultadas

Bertoni, José; Neto, Francisco Lombardi. Conservação do solo. 6º Ed. São Paulo, Ícone, 2008.

Fitz, Paulo Roberto. Cartografia básica. São Paulo, Oficina de Textos, 2008.